quinta-feira, 23 de outubro de 2008

CONVITE FORMULADO, CONVITE ACEITE

Estou a responder presente, ao convite que me foi formulado para colaborar escrevendo algumas coisas neste blog que afinal é de todos nós, B. Caç. 4910.
Sou homem de poucas recordações e na "guerra" vivi sempre com o pensamento no dia de amanhã ou mais propriamente no dia do regresso.
O que guardei é praticamente zero, visto que vivi permanentemente com o pensamento virado para o futuro. O presente nada me dizia, considerando-o como um hiato na minha vida e como tal esse espaço da minha memória está praticamente vazio... digamos que a parte do "disco rígido" referente a esse período ficou quase em branco.
Apesar disso e dentro das minhas possibilidades e parcos conhecimentos, estou disponível para ajudar a manter vivo, este espaço que se pretende seja um elo de ligação entre todos nós que servimos no B. Caç 4910.
Bom seria que todos os nossos companheiros tivessem disposição e disponibilidade para aceder à internet e passar por aqui para deixarem os seus comentários e/ou sugestões, pois é isso que dá ânimo e mantém a motivação para continuar.
Agora que este blog "nasceu" e já ganhou alguma dimensão o caminho só pode ser um; EM FRENTE!
É nesse sentido que, com muito orgulho, passo a fazer parte desta equipa pretendendo dar o meu modesto e humilde contributo no sentido da prossecução do objectivo que é comum a todos nós; Cimentar os laços de amizade e mantermo-nos todos próximos nem que seja apenas sentimental e virtualmente.
Não me proponho colocar aqui muitos posts, mas tenho intenção de com alguma regularidade deixar uns escritos, talvez não muito das aventuras por lá vividas mas, eventualmente de outros temas que também possam ser interessantes.
Agradeço o convite que me foi formulado o qual implicitamente está aceite e louvo a ideia de se ter criado este blog como forma de comunicação.
Por aqui me fico por hoje!
Amílcar Pinela da Silva Romão
(ex) Soldado Condutor Auto 001319/72
1ª Companhia de Caçadores
B. Caç 4910

9 comentários:

João Silva disse...

Bem-vindo, Amílcar!
Estás completamente à vontade, aqui ninguém corre atrás de ninguém, isso era lá, que tínhamos que andar a toque de caixa, ou melhor a toque de corneta.
Um grande abraço

Curto disse...

Bem vindo oh Pinela!
Deixa-te de "merdices" e surprende-nos...
Um grande abraço

José Carlos Mendes disse...

Amílcar, sabes uma coisa? Gabo-te a memória, tu que dizes que desse tempo não guardaste nada!!!!

É que lembrares-te do teu número mecanográfico - é obra!!!

Olha, sou honesto: não me perguntes o meu, se não fico de reforço... É que estive aqui a tentar ombrear contigo e meter aqui o meu... e, sabes que mais? Nem por sombras. Nem um algarismozinho para amostra!

Eh, valente!

Volta sempre.
És sempree bem-vindo, nem que seja para dizeres que não te lembras de nada.
Já agora, uma vez que eras motorista: reconheces a foto do cabeçalho ou também não? Sabes dizer-nos onde era? É que nenhum de nós sabe identificar o local. Mas todos nos lembramos destas curvas.

Estás a ver que não és só tu que bloqueaste a memória?

Um dia pedimos ao Dr. Miguel ou ao Dr. Ferreira para nos explicarem aqui este fenómeno que se chama bloqueio, associado a uma chatice chamada stress pós traumático...

Valeu?
Vamos pedir-lhes que nos ensinem essas coisas?
`

Amílcar Romão disse...

Já deixei um comentário sobre o local da foto. Penso, não tenho a certeza, que é na Serra do Muabi perto do Belize, uma zona de serra e com muitas curvas em que passávamos várias vezes quase no mesmo local...apenas um pouco mais abaixo ou mais acima consoante a direcção da viagem. Não íamos muito para essa zona mas fazíamo-lo na protecção ao MVL.
Também tenho algumas fotos parecidas. Pena que não as tenho identificadas para garantir mesmo que o local é esse.
Neste momento estou sem scaner. Logo que possa digitalizar colocarei algumas das poucas fotos que tenho.

Amílcar Romão disse...

Oh Mendes! Sou bom de memória em números eheheh! Não só sei o meu mecanográfico como o de mais alguns companheiros com quem privava mais de perto, nomeadamente os condutores. Até a matrícula de alguns unimogs e berliets ainda mantenho. Mas são apenas números que gravo com muita facilidade. Por causa dos números, ocorreu-me uma história que brevemente colocarei aqui.

José Carlos Mendes disse...

:)

Venha ela, essa história. Disso é que eu gosto!

SIR_PAGANINY disse...

Desculpem eu entrar na conversa e por falar em curiosidades: - Dia 30 de junho de 1974 por volta do meio dia e 30 apanhei um estilhaço com cerca de 20 cm de um dos mísseis "estrella" chinês o qual ainda hoje conservo em casa. Seria uma recordação macabra se tivesse morrido alguém, o que felizmente não foi o caso.
José Mendes: - A doença que tive foi cancro mo pulmão. Mas estou curado porque o cancro foi detectado precocemente e por casualidade. Fui para o hospital por um motivo e fiquei internado por outro. Na verdade há males que veem por bem. Ah, e de fuam deixem de fumar. Abraço a todos Rui Costa ah, e por falar em nº mec o meu era: 14918571 e 8 era o meu número de ordem

SIR_PAGANINY disse...

14948571

SIR_PAGANINY disse...

Parece que assustei o pp ok vim só dizer que continuo vivo. Abraço a tds e bom 2010 Ass Rui Costa