sexta-feira, 11 de novembro de 2016

E esta, hein?

FLEC/FAC:
pede a Portugal para reassumir a administração de Cabinda
A direcção político-militar da Frente de Libertação do Estado de Cabinda (FLEC/FAC) apelou hoje ao governo português para “reassumir a plena administração” daquele território, reclamando a atribuição da nacionalidade portuguesa aos cabindas.

A posição surge num comunicado daquele movimento independentista, assinado pelo seu porta-voz, Jean Claude Nzita, a propósito dos 41 anos da independência de Angola (11 de Novembro de 1975).
Buco Zau, Cabinda
O comunicado da FLEC/FAC
“O governo português deve reassumir a plena administração de Cabinda e preparar as condições para um referendo sobre a solução a tomar para o futuro político do país, já que os cabindas nunca deixaram de ser portugueses, antes lhes foi roubada a nacionalidade. Assim, os cabindas também devem ter direito aos seus passaportes portugueses”. Toda a notícia aqui... Rede Angola

1 comentário:

Antonio Almeida disse...

Esta noticia só me dá vontade de rir .Não por não ter o seu cabimento ou lógica ou lá seja o que for mas isso só aconteceria no dia em que todos os recursos energéticos e outros já estivessem esgotados.

Como diz o Sr. ministro do interior Angolano tudo se encontra calmo.

Lembra-me do 1ºMinistro Português que dizia "O POVO ESTÁ SERENO"